VINCENT VAN GOGH – STARRY NIGHT

Hoje acordei com esta música linda do Don Mclean tocando no rádio. Ele fez esta música em homenagem ao Van Gogh. Adoro esta música e sou apaixonada pelos quadros de Van Gogh. Tive a oportunidade de visitar o Museu Van Gogh algumas vezes em Amsterdam e também fui atrás de seus passos na França. Qualquer dia desses, quero fazer um post em homenagem a este grande pintor, mas por hoje, quero compartilhar esta música com vocês. Ela é um pouco triste mas é um retrato da vida de Van Gogh. Hoje ele brilha nos museus do mundo e possui milhares de admiradores.
Encontrei este vídeo no You tube. E acrescento a letra da música em inglês para quem quiser acompanhar!

Vincent (Starry, Starry Night)
Don Mclean

Starry, starry night.
Paint your palette blue and grey,
Look out on a summer’s day,
With eyes that know the darkness in my soul.
Shadows on the hills,
Sketch the trees and the daffodils,
Catch the breeze and the winter chills,
In colors on the snowy linen land.

Now I understand what you tried to say to me,
How you suffered for your sanity,
How you tried to set them free.
They would not listen, they did not know how.
Perhaps they’ll listen now.

Starry, starry night.
Flaming flowers that brightly blaze,
Swirling clouds in violet haze,
Reflect in Vincent’s eyes of china blue.
Colors changing hue, morning field of amber grain,
Weathered faces lined in pain,
Are soothed beneath the artist’s loving hand.

Now I understand what you tried to say to me,
How you suffered for your sanity,
How you tried to set them free.
They would not listen, they did not know how.
Perhaps they’ll listen now.

For they could not love you,
But still your love was true.
And when no hope was left in sight
On that starry, starry night,
You took your life, as lovers often do.
But I could have told you, Vincent,
This world was never meant for one
As beautiful as you.

Starry, starry night.
Portraits hung in empty halls,
Frameless head on nameless walls,
With eyes that watch the world and can’t forget.
Like the strangers that you’ve met,
The ragged men in the ragged clothes,
The silver thorn of bloody rose,
Lie crushed and broken on the virgin snow.

Now I think I know what you tried to say to me,
How you suffered for your sanity,
How you tried to set them free.
They would not listen, they’re not listening still.
Perhaps they never will…
fonte: This is lyrics from www.lyrics007.com

Bookmark and Share
Related Posts with Thumbnails

Esse texto foi postado em quinta-feira, 27 de março de 2008 às 12:55 nas categorias Arte, Don Mclean, Starry Night, Vincent Van Gogh, música. Você pode seguir as respostas pelo RSS 2.0. Você pode deixar um comentário, ou trackback do teu próprio site.

19 Comentários para “VINCENT VAN GOGH – STARRY NIGHT”

  1. Sonia escreveu:

    Que lindo o vídeo, com as belas imagens e a música!

    Obrigada, Sonia, pela sua visita ao Leaves of Grass. Será sempre bem-vinda!

    Abraços!

  2. evipensieri escreveu:

    Gostei da música.

    Bjs.
    Elvira

  3. Alessandra escreveu:

    Que linda a história dessa música Sonia.

    E eu adoro essa música também.

    Obrigada por achar um vídeo com a tradução dela.

    Eu imagino o quanto Van Gogh deve ter sofrido por ter uma forma diferente de ser e sentir.

    Obrigada pelo “amiguinha’, adorei!!!!

    Beijos

    Alê

  4. Blog do Beagle escreveu:

    Sonia, que belo post. Eu conhecia a música, mas jamais soubera seu significado e menos ainda, o conteúdo! Lindo, muito lindo! Obrigada. Bjkª. Elza

  5. Raphael Rap escreveu:

    Bonita música para bonitas pinturas…

    Muito bom o blog!

  6. Grace Olsson escreveu:

    Três coisas nao esqueço de Amsterdan:o Museu Van Gogh, a Casa da judia e seus canais. Mas algo além disso ficou na memória:foi em Amsterdan que eu vivi a despedida mais dolorida da minha vida.
    Ela me marcou tanto que eu queria que o tempo parasse e eu pudesse voltar. talvez, eu não tivesse feito dessa despedida uma razao para esquecer as outras vezes em que diante de moinhos e da estação central da cidade, e de bicicletas pro todos os lados, eu senti que realmente, estava diante de um país que me encantou Á PRIMEIRA VISTA.
    EM TILBURG VIVE UM HOLANDÊS QUE ME CHAMA DE MÃE BRASILEIRA. ACHO QUE A HOLANDA VIVE SEMPRE ESBARRANDO EM MIM….KKK
    BJS E DIAS FELIZES

  7. Cristiane Fetter escreveu:

    Não conhecia a música, adorei.

    Beijocas

  8. Georgia escreveu:

    Sonia, lindo demais.

    Vou colar o video lá no meu orkut.

    Beijao e boa semana

  9. SandraM escreveu:

    Nao sabia que essa música tinha sido composta para o Van Gogh! Muito linda. Adorei o video. Gostoso comecar uma segunda feira vendo e ouvindo coisas bonitas!! beijocas linda!!

  10. Preta escreveu:

    Oi Sonia,
    Imagine a minha alegria.
    Entrei para o Orkut a dois dias atrás para poder ver fotos dos meus sobrinhosno Brasil, dai resolvi aproveitar a oportunidade para te procurar por lá. Encontrei uma Sonia Horn mas como não estava certa de ser você fui conferir a data de aniversário no blog da Meiroca e imagine a minha felicidade ao descobrir que você tinha um blog.
    Yabadabadoooo, agora posso passar por aqui e te visitar quando quiser.
    Eu ando um pouco afastada do blog, mas um dia quem sabe eu volte.
    Beijos e parabens pelo espaco. Adorei ver a Tamara cantar Madalena.
    Em maio serei avó pela primeira vez e ando meio nas nuvens, contando os dias para ver a carinha do bebe.
    Beijos mil procês.

  11. Fernanda escreveu:

    Olá Sonia,
    obrigada pela sua visita. O seu blog é muito interessante e ecléctico, tal como eu gosto!
    A canção é linda e o video está muito bem feito, adorei! Eu sou apaixonada pelos pintores holandeses e tb estive no Museu Van Gogh. Soube que continuam a “aparecer” telas de Van Gogh no sul de França, pois eles utilizava-as para pagar pela sua hospedagem. As pessoas nem imaginavam o que possuiam!
    Abraços

  12. Lino escreveu:

    Os dois, Vincent e McLean são ótimos no que fazem. A pintura do primeiro, uma maravilha. E a música do segundo, muito boa.

  13. Alessandra escreveu:

    Olá

    Obrigada Sonia peloc arinho e por ter colocado meu nome no seu link de blogs.

    Eu não sei mexer muito no computador, mas estou aprendendo.

    No Word eu me viro bem (porque fico o dia inteiro trabalhando com esse programa), mas na internet, excel e outros eu não sei me virar muito não.

    Juro que vou aprender a colocar links lá no blog.

    Obrigada por todo o carinho.

    Tenha uma ótima semana!!!!

    Beijos

    Alê

  14. Georgia escreveu:

    Bom dia querida, está tudo bem?

    Beijao

  15. Meire escreveu:

    Que belo presente vc nos ofereço Soninha!

    bjs

  16. Sonho Meu escreveu:

    “Esse mundo nao foi feito pra alguem tão bonito quanto voce”…diz tudo !
    Lindissima canção !!
    bjos,
    me

  17. sergio escreveu:

    Aqui gostei muito tá,vc é uma pessoa muito especial a gente sente isso somente pelo o que vc gosta vc nunca me viu ou me conheceu so sei que vc com o simples gestos de colocar esta musica e video em seu blog ja me iluminou obrigado mesmo

  18. Anonymous escreveu:

    Hoje agradeço a Deus ppor ter vivido mais um dia e ter ouvido esta música por mais uma vez obrigado a vc que parece amar Van Gohg e ter o brilho das estrelas para poder gostar dessa música que eu procurava e letra e não encontrava….muito obrigado
    abraços

  19. Sonia H. escreveu:

    Olá, Anônimo,
    Muito obrigada por ter comentado este post do ano passado.
    Sim, eu amo Van Gogh e acho sua história de vida incrível. Além de seus quadros, é claro!
    Fico feliz de saber que você encontrou a letra aqui.
    Volte mais vezes!
    Abraços,

Deixe um comentário



XHTML: Você pode usar esses códigos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Pode demorar um pouco para mostrar o comentário. Não será preciso postar de novo.